Imprimir

Experiência com a Pastoral do Dízimo

Publicado em .

elionice e hipolito - dizimoNós agradecemos muito a DEUS por fazer parte dessa pastoral. Vivenciamos experiencias únicas.
Pessoas que recebem um salário mínimo e fazem questão de devolver os 10%, mesmo com a modificação do quinto mandamento, que antes dizia pagar o dízimo segundo o costume, agora, atender as necessidades materiais da Igreja, cada qual segundo as próprias possibilidades.



Pessoas muitas vezes com aparência humilde que devolvem dízimos generosíssimos. Alguns são desconfiados, querem sempre ver e saber para onde vai o seu dízimo, outros não fazem questão nem do recibo.

Nós precisamos ser transparentes. Somos leigos, temos que dar credibilidade, muitos são convencidos a devolverem o dízimo por confiarem nos membros da pastoral, e com o passar do tempo tornam-se dizimistas fiéis.  Por que dízimo é caminho para conversão, e quando isso acontece, o dízimo não sai mais do bolso e sim do coração.

Para a minha família tem sido fonte de graças abundantes. Minha família é sempre guardada e cuidada por DEUS. DEUS nos tem dado muita saúde, união, vida em família e até mesmo bens materiais. Tem nos levado cada dia mais ao seu encontro. O dízimo nos dá a oportunidade de vivenciar o amor de Deus por nós, o Senhor Deus sempre nos mostra o caminho que devemos seguir e muitas vezes para enxergar esse caminho, temos que mudar a direção desse nosso olhar. Com a experiência do dízimo nós reconhecemos os nossos erros e tentamos melhorar para vivermos melhor na comunidade e em nossa família.

Nós também somos agraciados com a paciência, compreensão, porque as vezes a missão é cansativa. Não somos dizimistas só com o dinheiro, somos dizimistas também com o nosso tempo. As vezes é cansativo, somos mau compreendidos, mas como disse no início, nós recebemos graças abundantes.
Portanto o Senhor faz em nós maravilhas, e como está escrito em Malaquias 3.10, "Fazei a Experiência".

Testemunho enviado por Elionice Nery de Almeida Correia (Pastoral do Dízimo)